Prefeitura de Rio Branco adere campanha Papai Noel dos Correios

(Foto: Val Fernandes/Assecom)

A prefeitura de Rio Branco, por meio da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (RBTrans), aceitou o convite dos Correios para participar da campanha nacional “Papai Noel dos Correios”.

De acordo com o superintendente da autarquia, Benício Dias, foram adotadas 74 cartinhas, e cada servidor se esforçou, ao máximo e com muito carinho para atender o pedido de cada criança. A entrega dos presentes aos Correios aconteceu na manhã desta terça-feira (13), na sede da RBTrans.

Marfisa Galvão: “É um lema do prefeito: tratar as pessoas com respeito, carinho e dignidade” (Foto: Val Fernandes/Assecom)

A vice-prefeita, Marfisa Galvão, disse que a RBTrans vai ajudar a aumentar o saquinho de presentes do papai Noel, para que ele possa alcançar mais casas neste natal.

“Muitas crianças serão contempladas com um grande coração da RBTrans, de cuidar das pessoas com muito carinho, que é um lema e uma determinação do nosso prefeito Tião Bocalom, tratar as pessoas com respeito, carinho e dignidade.”

Benício Dias: “Fui órfão aos 6 anos e nunca tive a chance de ter essa infância” (Foto: Val Fernandes/Assecom)

“Fui órfão aos 6 anos de idade, ex-seringueiro e ex-menino de rua. Nunca tive a chance de ter essa infância, de receber presentes, isso é importante, por isso que nos esforçamos ao máximo para atender”, explicou Benício Dias.

A campanha nasceu há 33 anos, quando crianças escreviam cartinhas para o papai Noel e entregavam para os carteiros, que passaram a devolver presentes, como resposta às cartinhas.

“Essa é uma das maiores campanhas natalinas do Brasil, nós dos Correios contamos com nossos parceiros, padrinhos corporativos e sociedade para adotar essas cartinhas, para que a possamos realizar esses sonhos de natal”, enalteceu a analista dos Correios, Tatiane Castro.

Muitos dos pedidos estão relacionados à verdadeira necessidade das crianças, o que sensibilizou bastante os servidores.

De acordo com o diretor de transportes da RBTrans, Clendes Vilas Boas, uma carta o comoveu muito, de um garoto pedindo pelo amor de Deus um par de sapatos e uma mochila para ir à escola e que seu pai não tinha condições de comprar.

“Tocou meu coração, aquela pureza, então eu fiz o investimento, com sentimento de gratidão pelo amor de Cristo em nossas vidas que é maior, para que a gente possa contemplar essas pessoas que tanto precisam.”

A diretora administrativa financeira da RBTrans, Ariane Alencar, disse que quando uma criança coloca numa carta um desejo de ter um presente, ela espera receber.

“Com muito carinho, tivemos o cuidado de ler e atender o pedido de cada uma das cartinhas, é uma alegria e uma satisfação imensa para gente”, concluiu.