Prefeitura de Rio Branco participa de abertura da 17ª Semana Nacional de Conciliação

Campanha anual promovida pelo CNJ (Foto: Val Fernandes/Assecom)

A prefeita de Rio Branco em exercício, Marfisa Galvão, participou na manhã desta segunda-feira (7), da cerimônia de abertura da 17ª Semana Nacional de Conciliação, realizada pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJ/AC), no hall de entrada dos Juizados Especiais Cíveis.

Essa é uma campanha anual promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) desde 2006, e envolve os Tribunais de Justiça, do Trabalho, além dos Tribunais Federais, que selecionam processos passíveis de acordo e intimam as partes envolvidas para solucionarem o conflito.

Waldirene: “Menos conflitos, mais harmonia, assim caminhamos com o judiciário” (Foto: Val Fernandes/Assecom)

De acordo com a presidente do TJ, Waldirene Cordeiro, esse é o pontapé inicial, mas começa muito antes, onde os processos são elaborados e pautados com a proposta de conciliação consultando as partes que têm interesse.

“Nós temos muitos processos, quase mil pautados para essa semana e esperamos conseguir fazer o máximo possível. Menos conflitos, mais harmonia e é assim que a gente está caminhando com o judiciário.”

O conselheiro presidente da comissão permanente de solução adequada de conflitos do CNJ, Marcos Vinicius, explicou que, considerando a pandemia nos últimos dois anos, o número de audiências diminuiu.

“Tivemos restrições de recomendação, mas para se ter uma ideia, em 2019 nós tivemos mais de 70 mil acordos celebrados numa semana só em todo o Brasil. A tendencia é que esse ano esse número seja superado.”

Neste ano, as ações são de 7 a 11 de novembro em todo o território nacional, com os mutirões de audiências. Em Rio Branco estima-se a realização de 920 audiências durante esta semana.

Marfisa: “O TJAC está de parabéns por essa ação” (Foto: Val Fernandes/Assecom)

Marfisa Galvão, prefeita em exercício, agradeceu o convite e falou sobre a importância dessa semana.

“Os conflitos devem ser resolvidos através do diálogo, e isso é educação, isso é bom para a população do nosso estado. Então, o TJAC está de parabéns por essa ação.”