Prefeito de Rio Branco e Presidente da Amac visita a Unidade de Resíduos Sólidos em Uberlândia

Prefeito de Rio Branco conheceu de perto o funcionamento da Unidade que transforma lixo em energia elétrica (Foto: Assecom)

Pensando em transformar Rio Branco em uma Capital moderna, o prefeito de Rio Branco e presidente da Associação dos Municípios do Acre (Amac), Tião Bocalom esteve com sua comitiva, nessa quinta-feira (18), em Uberlândia – MG, onde visitaram a Unidade de Resíduos Sólidos do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae). A visita teve por objetivo conhecer os aspectos do saneamento relacionado ao recolhimento e a destinação final do lixo que é recolhido no município da cidade mineira.

O gestor da capital esteve acompanhado dos prefeitos de Acrelândia, Olavo Francelino de Rezende, de Assis Brasil, Jerry Correia, do Bujari, João Edvaldo Teles de Lima, de Plácido de Castro, Camilo da Silva e de Senador Guiomard, Rosana Gomes e foram recebidos pelo chefe da Unidade de Resíduos Sólidos, Carlos Moreira e pelo diretor-geral do Dmae, Adicionaldo dos Reis Cardoso.

Tião Bocalom viu de perto o trabalho realizado pelo Dmae de transformar os resíduos em energia elétrica que, segundo ele, é um sonho de sustentabilidade.

“Acabamos de ver como se coleta o gás e agora nós estamos aqui nos grupos geradores que transformam aquele gás, em energia elétrica. Aqui tem três motores que geram energia para aproximadamente 40 mil residências, aqui em Uberlândia. É a sustentabilidade que falou-se tanto, mas que nunca fizeram”, informou o prefeito.

O chefe da Unidade, Carlos Moreira, explicou todo o processo de funcionamento do aterro que gera o gás metano. Ao invés de queimá-lo literalmente, eles o utilizam para gerar energia.

“Hoje nosso aterro não gera biogás para atmosfera. Ele é todo reutilizado para a geração de energia elétrica. Esse aterro é homologado pela ONU (Organização das Nações Unidas) e recebe teto de carbono e a prefeitura de Uberlândia vem fazendo esse trabalho”.