Prefeitura realiza II formação para professores e coordenadores pedagógicos das escolas de ensino fundamental

O encontro formativo é realizado no Centro de Convenções da Universidade Federal do Acre – UFAC (Foto: Assecom)

A Prefeitura de Rio Branco, por meio da secretaria Municipal de Educação (Seme) realiza durante esta semana a II Formação para professores e coordenadores pedagógicos das escolas de ensino fundamental da rede municipal.

O encontro formativo é realizado no Centro de Convenções da Universidade Federal do Acre (Ufac), desde a segunda-feira (15) e termina na quinta-feira (18).

A formação ocorre nos turnos da manhã e da tarde, de acordo com o horário de trabalho dos professores.

Professores do 1º ao 5º anos da rede municipal participam de uma série de atividades e discussões propostas para ações de alfabetização e pós-alfabetização que possam contribuir com a elevação da aprendizagem dos alunos.

A formação com os professores das turmas de 1º e 2º anos tem como tema “Alfabetização e Letramento”, já a formação voltada aos professores do 3º ao 5º tem como tema, “Utilização dos jogos pedagógicos matemáticos em sala de aula”.

O professor Hélio Guedes Vasconcelos Silva, gerente do departamento de Ensino Fundamental da Seme reforça a importância da participação dos professores e coordenadores pedagógicos nesta formação.

“Tivemos um longo período sem esses encontros presenciais por conta da pandemia da Covid-19 e neste ano de 2022 estamos retomando esse trabalho que é muito importante para troca de experiências, apresentações e discussões de propostas de ações que possam ser desenvolvidas na sala de aula para melhorar a aprendizagem dos nossos alunos que foi seriamente prejudicada nos últimos dois anos letivos”.

Essa formação é coordenada e executada pela equipe de professores formadores do departamento de Ensino Fundamental da Seme e integra as ações de assessoramento pedagógico que são realizadas nas escolas municipais.

A professora Edna Amorim, que atua na área de alfabetização, ressalta o trabalho realizado pela sua equipe de formadores da secretaria e afirmou que o objetivo “é auxiliar as escolas para que os alunos possam aprender cada vez melhor, principalmente neste momento que, segundo ela, exige que se pense em estratégias de recomposição das aprendizagens”.