Atendimentos para casos suspeitos de covid-19 aumentam na URAP Maria Barroso

Os demais serviços realizados na Urap foram encerrados para atender somente casos suspeitos de Covid-19 (Foto: Val Fernandes/Assecom)

A Unidade de Referência em Atenção Primária (Urap) Maria Barroso passou, desde o dia 29 de junho, a ser referência para atendimentos de pessoas com sintomas de Covid-19. A coordenadora da unidade orienta sobre as condições em que se deve procurar o local para testes.

“Pessoas com 3 dias de sintomas ou mais. Os sintomas são: garganta, coriza, dores de cabeça, dor no corpo, diarreia, dispneia e febre”.

Todos os demais serviços realizados na Urap foram encerrados para que ela atenda somente casos suspeitos de Covid-19. Porém, a entrega de medicamentos continua a funcionar. De acordo com a coordenadora são realizados em média 380 a 400 atendimentos diários, resultando mais da metade em positivo.

A dona de casa Cleuma dos Santos trouxe seus filhos para realizarem o teste, pois, segundo ela, já faz alguns dias que eles apresentam sintomas.

“Ela começou com a síndrome gripal, e está há 15 dias sem ir para a aula, agora os sintomas estão diferentes de uma semana para cá, então eu os trouxe para fazer o exame”.

Foram realizadas adaptações na Unidade, para poder atender a demanda, devido à grande procura. A coordenadora deu algumas orientações quanto ao tempo de espera para os atendimentos.

“Tragam suas garrafinhas de água mineral, venham com máscaras, tragam o seu álcool em gel. Temos álcool na Unidade, mas é bom ter o seu individual, para estar passando em você. Se puder, traga algum alimento, pois a espera não está pouca”,

Tendo em vista que muitos eventos estão acontecendo em toda a cidade, a probabilidade de os números aumentarem é esperada. Desta forma, a Secretaria Municipal de Saúde reforça o pedido à população, para que procurem as Unidades de Saúde do município, para manter as vacinas contra a Covid-19 em dia. Solicita, também, o uso de máscaras, de forma voluntária, assim como álcool em gel 70%.