Secretaria de Saúde de Rio Branco homenageia doadoras de leite materno com certificado e café da manhã

Luana Beatriz: “É um sentimento de estar ajudando um bebê a não sentir fome” (Foto: Evandro Derze/Assecom)

Em 19 de maio comemora-se o Dia Nacional de Doação de Leite Humano. Para celebrar a data, a prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), promoveu nesta quinta-feira um café da manhã para as mães que emprestam seu leite a outros recém-nascidos.

O evento aconteceu na Urap Augusto Hidalgo de Lima, na Sobral, a unidade de saúde municipal referência na coleta e distribuição de leite materno. Na ocasião, as mamães foram homenageadas com um certificado.

De acordo com a coordenadora de saúde da criança da Semsa, Maria Teresa, o ato também visa conscientizar outras mulheres sobre a importância da doação. “Queremos buscar mais mães que estão amamentando para que doem leite. Um pouquinho já ajuda a salvar vidas”.

A Urap conta hoje com quase 250 doadoras cadastradas. De janeiro a abril deste ano, a unidade recebeu 235 litros de leite, distribuindo 80% desse total à maternidade da capital.

Luana Beatriz, mãe há sete meses, é uma dessas doadoras. Ela conta que decidiu emprestar seu leite a outras crianças ao ver um recém-nascido chorar de fome.

“É um sentimento de estar ajudando um bebê a não sentir fome. Sei que estou ajudando também aquela mãe que não pode amamentar porque tomou alguma medicação ou está com problema de saúde. É gratificante”.

As mães que tiverem interesse em compor o banco de doadoras podem comparecer ao posto de coleta da Urap Augusto Hidalgo de Lima para orientações. A unidade de saúde também conta com uma equipe que faz a coleta no domicílio com hora marcada por telefone.

“Qualquer mãe com quantidade excedente de leite pode se tornar uma doadora. Com a nossa equipe é feita toda uma triagem com exames para tornar esse leite pasteurizado e ser feita a distribuição de forma adequada”, explicou a pediatra Bruna Farias.