Prefeitura de Rio Branco encerra Programa Saúde na Comunidade com mais de 52 mil procedimentos realizados

Seringal Macapá, último ponto do Saúde na Comunidade (Foto: Dell Pinheiro)

O Seringal Macapá, último ponto de apoio do Programa Saúde na Comunidade, ação da Prefeitura de Rio Branco, que visa levar saúde e dignidade àquelas pessoas que tanto precisam de atenção do poder público e têm dificuldades de chegar até a capital, recebeu a equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), neste sábado, 9, para realização de atendimentos médicos, odontológicos, realização de exames clínicos, vacinação para adultos e crianças, pré-natal, aferição de pressão arterial, distribuição de medicamentos e diversos outros serviços de saúde base.

A equipe da Semsa saiu de Rio Branco no dia 15 de março, e nesses quase 30 dias levou os serviços do Saúde Itinerante a 52 comunidades em 11 pontos de apoio. Foram realizados mais de 52 mil procedimentos.

De acordo com a secretária de saúde de Rio Branco, Sheila Andrade, a satisfação pelo trabalho é grande e no ano de 2023 o Programa será ainda melhor.

“Estamos muito felizes porque estamos levando saúde com dignidade para quem precisa, porque esse é o lema do prefeito Tião Bocalom: levar saúde com dignidade a quem precisa. E vamos continuar. A proposta do prefeito é a gente intensificar durante todo esse ano para atender com mais agilidade e frequência quem mais precisa. Ano que vem tem mais”, garantiu.

Sheila: “Esse é o lema do prefeito Tião Bocalom: levar saúde com dignidade a quem precisa” (Foto: Dell Pinheiro)

A satisfação das pessoas ao receberem os atendimentos médicos que necessitavam, medicação, tratamento dentário e vacinas, inclusive, contra a gripe H3N2 e Covid era de encher o coração de alegria. Como nos conta Rosana Cordeiro, que recebeu a sua 1° dose de vacina contra a Covid.

“A importância da vacina é que previne a gente de pegar doenças que vieram para assolar a humanidade, graças a Deus ninguém da minha família pegou, mas estamos nos prevenindo dessa doença”.

Vania Ribeiro, tambem aproveitou os serviços. “Eu acho importante a vinda do pessoal aqui para a comunidade, porque a gente pode estar se consultando, fazendo os exames, a gente não precisa estar indo até a cidade”.

Natã Pontes foi só elogios para a equipe de Saúde. “Nota 10. Se fosse para dar outra nota, eu daria outra nota além do 10”.

Petecão: “Quando cheguei aqui no Macapá, ouvindo os depoimentos das pessoas… isso não tem preço”

O senador Sérgio Petecão acompanhou a equipe da Semsa e pode ver de perto o atendimento prestado pela prefeitura de Rio Branco às comunidades isoladas.

“Primeiramente agradecer a secretária Sheila que me fez esse convite, agradecer ao Bocalom, eu te confesso que tinha recebido informações sobre a trabalho que estava sendo realizado aqui, o pessoal está aqui há quase 30 dias, é muita coisa. Quando cheguei aqui no Macapá, ouvindo os depoimentos das pessoas… isso não tem preço. Era bom que o Ministro da Saúde estivesse aqui para ver a satisfação das pessoas”, finalizou.

Fotos: Dell Pinheiro