Prefeitura apoia 1° Encontro das Escolinhas de Futebol de Base Comunitárias de Rio Branco/Acre 2022

Jogadas ensaiadas, dribles e gols marcaram o 1° Encontro das Escolinhas de Futebol de Base Comunitárias de Rio Branco/Acre 2022, com o apoio da Prefeitura Municipal, por meio da Fundação Garibaldi Brasil (FGB) junto a Secretaria Municipal de Educação (Seme).

Essa foi a primeira fase da competição, e contou com a participação de oito escolinhas da capital e também teve, como convidada especial, a escolinha municipal do Bujari.

Klowsbey: “É com muito orgulho que realizamos essa atividade com apoio da prefeitura” (Foto: Felipe Freire/Assecom)

O coordenador-geral do Encontro, Klowsbey Pereira, ressaltou que o projeto Escolinhas de Futebol de Base Comunitárias de Rio Branco existe desde 2019 e integra todas as escolinhas do município.

“A Prefeitura de Rio Branco nos apoia com toda a estrutura. Isso é muito satisfatório. Queremos ver os jovens integrados em um só objetivo: o esporte. É com muito orgulho que realizamos essa atividade”, disse o coordenador.

Pedro Lucas tem o sonho de ser jogador profissional como o ídolo e goleiro acreano e Weverton (Foto: Felipe Freire/ Assecom)

Jovens das categorias Sub11/13 e Sub15/17 participaram da competição. O goleiro, Pedro Lucas, tricolor carioca de coração, tem o sonho de ser jogador profissional. “É bom que a gente tem a oportunidade de distrair a mente, sair das ruas e estar jogando com todos esses craques da bol. É um prazer muito grande, é meu sonho seguir a carreira do nosso ídolo Weverton”, disse o goleiro.

Paulo Roberto, presidente da Escolinha de Futebol do Paulão, enalteceu que o evento tem uma razão social. “A integração da juventude com a sociedade, para que a gente possa, juntos, produzir grandes objetivos no futuro é nossa principal ação social”, explicou o presidente.

Mardhia: “A gente observa que os índices de criminalidade estão diminuindo com esse trabalho preventivo” (Foto: Felipe Freire /Assecom)

A coordenadora do projeto de Esporte e Arte na Comunidade, Mardhia Pereira, explicou que o projeto faz parte do Programa Acre Pela Vida, da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), e tem o objetivo de, através do esporte, evitar crianças envolvidas em crimes.

“A gente observa que os índices de criminalidade estão diminuindo com esse trabalho preventivo. Através do esporte com os jovens e adolescentes, temos conseguido reduzir os índices de criminalidade em todo o nosso Estado”, explicou a coordenadora.

José Bestene, enfatizou o trabalho realizado pela gestão do prefeito Tião Bocalom e do Estado em prol do esporte (Foto: Felipe Freire/ Assecom)

“Temos feito muito nas regionais de Rio Branco e vamos ampliar. Entendemos que isso é uma forma de integrar os jovens e torna-los futuros cidadãos que possam sair desse “mundo cão” que observamos acontecer na maioria dos bairros. Fico muito feliz em poder colaborar e participar dessa formação da juventude”, enfatizou o deputado estadual, José Bestene.

O diretor de Esporte e Lazer da FGB, Édson Maria, ressaltou que o prefeito Tião Bocalom se preocupa em levar dignidade a todos os jovens rio-branquenses.

Édson: “A gestão acredita que a inclusão social é o melhor caminho para que a gente possa tirar a criança da marginalidade” (Foto: Felipe Freire/Assecom)

“O prefeito Tião Bocalom sempre tem nos orientado nesse sentido, sempre pedindo para nós apoiarmos. Através da FGB, nós viemos apoiar esse evento, com toda a estrutura que a Prefeitura pode oferecer para os organizadores. A gente acredita que a inclusão social, através do esporte, é o melhor caminho para que a gente possa tirar a criança da marginalidade e prostituição. O prefeito Bocalom tem insistido muito nisso e temos apoiado”, ressaltou o diretor.