Prefeito Tião Bocalom lança o Plano Municipal Rio Branco Mais Segura

Segundo o prefeito Tião Bocalom é um investimento importante para a segurança da população rio-branquense (Foto: Evandro Derze/ Assecom)

Preocupado com a segurança da população e visando apoiar o Estado no combate à criminalidade na capital acreana, o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, em parceria com o Governador do Acre, Gladson Cameli, realizou o lançamento, nesta segunda-feira, 14, no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Acre (FIEAC), da primeira etapa do Plano Municipal “Rio Branco Mais Segura”.

O projeto ousado e inovador é pioneiro dentre as cidades da região Norte. Nesta primeira etapa, um sistema inteligente de videomonitoramento será implantado e vai abranger a regional Seis de Agosto e o Bairro Centro. Vão ser acrescentados mais dezoito pontos de cerco eletrônico em vias estratégicas da cidade, somando-se aos sete já instalados pela Segurança Pública Estadual.

O sistema vai estar ligado diretamente ao Centro Integrado de Comando e Controle de Operações da Segurança Pública Estadual, que vai acompanhar, em tempo real, a movimentação de veículos envolvidos em práticas criminosas. Gladson Cameli ressaltou a importância da parceria entre o Estado e a Prefeitura de Rio Branco em prol da população acreana. “Vai passar a sensação de segurança, para que a gente possa juntos, trabalhando com a Prefeitura e instituições, vamos conseguir vencer esses desafios. Os índices de morte diminuíram consideravelmente, graças a Deus os resultados estão aparecendo, mas não podemos cruzar os braços, temos que criar os mecanismos e unir as nossas forças, para vencermos os desafios”, ressaltou o governador.

O Plano Municipal terá, nesta primeira etapa, um investimento no valor de aproximadamente 4 milhões de reais. Segundo o chefe do Gabinete Militar, Coronel Ezequiel Bino, é um investimento importante para a segurança da população rio-branquense. “O prefeito Bocalom, preocupado com os índices de violência na capital, faz um investimento audacioso, algo que não havia sido feito. Com isso vamos instalar um sistema de videomonitoramento, nos espaços públicos municipais. A gente faz um investimento muito alto e importante para a segurança dos munícipes e para as pessoas que precisam passar ou estar em Rio Branco”, disse o coronel.

Entre os locais contemplados pelo videomonitoramento, estão: Unidades de Saúde, Escolas, Praças, Quadras Esportivas, Terminal Urbano, Calçadão da Benjamin Constant, Gameleira, Centro da Juventude do Cidade Nova, Mercados, entre outros. Além destes pontos, na primeira etapa ainda serão contemplados o Horto Florestal, o Parque Chico Mendes e a Rodoviária Internacional.

Estão incluídas dentro do projeto, dentre as soluções inteligentes, câmeras de reconhecimento facial em locais selecionados para a identificação imediata de criminosos ou pessoas desaparecidas. Outra ferramenta inovadora que vai compor o portfólio de segurança do município será o “Botão de Emergência”, que será instalado em Escolas e Unidades de Saúde para atender situações de emergência de segurança pública nestes locais.

Tião Bocalom enfatizou estar muito feliz por poder contribuir com a segurança da população rio-branquense. “O grande problema da nossa Rio Branco é a segurança pública. O Estado, sozinho, não dá conta de tocar tudo. Se a Prefeitura tem condições de ajudar, vamos participar. Temos que dar segurança as nossas Unidades de Saúde, Escolas, espaços públicos da Prefeitura, seja local fechado ou aberto, como Praças. Eu tenho certeza que é um momento histórico, diferente, as grandes metrópoles brasileiras já têm esse sistema de vigilância de monitoramento e tem dado certo. Aqui não vai ser diferente, vai dar certo também. Eu tenho certeza que a população vai aprovar e não tenho dúvida nenhuma que vai ajudar muito na segurança pública, fazendo essa parceria com o Governo do Estado”, enfatizou o prefeito.

Na ocasião, estiveram presentes os vereadores Raimundo Castro, N. Lima, Joaquim Florêncio, Fábio Araújo, Rutênio Sá, Samir Bestene, Francisco Piaba, Ismael Machado, Lene Petecão e Célio Gadelha, os secretários Municipais da Casa Civil, Valtim José, Finanças e Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Cid Ferreira, de Gestão Administrativa, Jonathan Santiago, da Saúde, Sheila Andrade, da Defesa Civil, Tenente-Coronel Cláudio Falcão, da Educação, Nabiha Bestene, os Assessores Especiais de Articulação Institucional, Helder Paiva, de Assuntos Jurídicos, Jorge Bezerra, representantes da Secretaria de Segurança Pública Estadual, Polícia Militar do Acre, Polícia Rodoviária Federal e demais autoridades.