Prefeitura de Rio Branco entrega primeiro lote de cartões para portadores da síndrome fibromiálgica

Nesse primeiro lote, 212 cartões de identificação dos fibromiálgicos foram entregues l(Foto: Dircom)

A Prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), entregou, nesta quinta-feira, 23, o primeiro lote de cartões aos portadores de fibromialgia no município.

Nesse primeiro lote, foram entregues 212 cartões de identificação dos fibromiálgicos da capital, que vão ter benefícios através da lei N° 2.332 de 2019, sancionada pela prefeitura de Rio Branco, em que passa a reconhecer que pessoas com fibromialgia tem preferências em estabelecimentos, vagas de estacionamentos e filas preferenciais, além da instalação de um Centro de Referência.

Na cerimônia de entrega dos cartões, Antônia Maria foi uma das beneficiadas. Ela foi diagnosticada com a doença há 7 anos e, devido as fortes dores, está afastada do trabalho. Segundo ela, o recebimento do cartão com os benefícios foi a realização de um sonho. A autônoma Alcemira Sobral também recebeu o cartão. Ela descobriu que tem a síndrome há 3 anos e ressalta que o benefício para os fibromiálgicos é muito importante.

“É de suma importância, tivemos uma luta muito grande, a gente amanhece e anoitece com dores, têm dias que infelizmente não tem nem condições de levantar da cama. As pessoas não têm conhecimento da dimensão que a doença já tomou. Muitas vezes lidam como se fosse uma frescura. A doença mexe com todos os ossos. Eu vejo que cada dia estamos ganhando um espaço”, ressaltou a autônoma.

Rafaela de Souza Roque foi diagnosticada com fibromialgia em 2016 e, em 2018, criou o grupo de suporte “Gente de Fibro AC”. De acordo com ela, o cartão com os benefícios é uma grande conquista. “É uma conquista muito grande para nós. É uma forma de reconhecimento da dor porque as pessoas com fibromialgia convivem com dor 24 horas por dia. Além de dor, nós temos outros sintomas, por isso que esse evento eu estou recebendo de forma muito feliz”, disse a administradora.

Segundo a líder voluntária e representante da Associação Nacional de Fibromiálgicos (Anfibro) no Acre, Rosilene Queiroz, é um marco histórico a entrega dos cartões para as pessoas com fibromialgia. “É uma grande conquista para nós de Rio Branco, é um marco histórico. A gente aguardava muito tempo por esse cartão. Nós só temos a agradecer em nome dos fibromiálgicos, em nome da Anfibro, a prefeitura, o prefeito Tião Bocalom, a secretária Sheila Andrade e toda a equipe que esteve empenhada e por ser sensível por essa causa, por terem empatia, e por estarem realizando esse nosso grande sonho”, contou a líder voluntária.

A Secretária Municipal de Saúde, Sheila Andrade, ressalta que a gestão do prefeito Tião Bocalom foi pioneira na realização dos cartões para os fibromiálgicos. “Nós estamos, enquanto gestão, lisonjeados e muito felizes por nesse momento estar atendendo um sonho dessas pessoas que têm fibromialgia. Desde 2019 que a lei foi aprovada e dá os benefícios para que essas pessoas tenham prioridade no atendimento, no estacionamento, em bancos, supermercados, nas unidades de saúde.  A prefeitura está entregando hoje o primeiro lote, para 212 pessoas, e é muito importante. É um sonho que está sendo realizado. A nossa maior felicidade como gestão é sermos os pioneiros na realização dos cartões para essas pessoas”, ressaltou a secretária.