Prefeito de Rio Branco participa do Primeiro Seminário do Sistema Socioeducativo do Acre

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, participou na manhã desta terça-feira, 23, do Primeiro Seminário do Sistema Socioeducativo do Acre (ISE) realizado na capital, no auditório da OAC/AC, nesta terça e quarta-feiras, 23 e 24 de novembro, com o tema: Avanços, desafios e perspectivas.

Na ocasião estavam presentes o secretário Municipal do Meio Ambiente (Semeia), Normando Sales, o coordenador Municipal de Defesa Civil, major Cláudio Falcão, a assessora de gabinete, Suziane Rebouças e demais autoridades.

Segundo o presidente do ISE, coronel Mário César, o objetivo do Seminário é fomentar a discussão com todos os atores do sistema de socioeducação do Estado do Acre, melhorar a qualidade na execução das medidas socioeducativas e colocar a importância do trabalho em rede. “É um trabalho que é realizado por muitas mãos, então são muitos órgãos envolvidos na atividade e esse seminário vai proporcionar uma integração e uma interação melhor, além de aprendizado”, afirmou o presidente.

De acordo com Bocalom, é fundamental procurar sempre discutir os problemas locais que existem e a questão da criança e do adolescente é essencial. “Nós, assim que chegamos na prefeitura, encontramos os conselhos tutelares desprovidos de uma série de coisas como veículos, computadores, impressoras, enfim, ferramentas de trabalho. Logo no primeiro momento, procuramos resolver os problemas para dar condições para que nossos conselhos tutelares pudessem trabalhar e ajudar. Infelizmente no Acre, a nossa juventude, normalmente é vítima de um modelo de desenvolvimento errado que houve nos últimos anos. Não se gerou oportunidades de trabalho para às famílias poderem ter a sua renda própria”, disse o prefeito.

O prefeito ressaltou ainda o esforço do Governo do Estado para amenizar os problemas. “Vejo na pessoa do governador, do governo do Estado, a vontade de montar um novo modelo de desenvolvimento baseado no campo, que esse é, e sempre foi a nossa bandeira, e agora como prefeito de Rio Branco a gente vai estimular muito mais esse modelo de desenvolvimento. E acredito que ao longo do tempo é que a gente vai ter boas respostas a isso. E o ISE tem feito um trabalho espetacular na ressocialização dos nossos menores infratores. Antes da gente ter que penalizar, nós precisamos primeiro fazer a prevenção que é fundamental, pois, começa com renda na família, assim a tendência é muito menor dos nossos jovens irem para o mundo do crime”, finalizou Bocalom.