Prefeito de Rio Branco recebe o presidente da Fieac e conversam sobre avanço para as pequenas empresas e geração de emprego

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, se reuniu no início da manhã desta terça-feira, 17, com o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Acre (Fieac), José Adriano Ribeiro. Na ocasião estava presente o secretário Municipal da Casa Civil, Valtim José.

De acordo com o presidente da Fieac, o objetivo da visita foi para solicitar avanços nas obras para as pequenas empresas.

“Tivemos a grata surpresa em saber que o prefeito de Rio Branco tem vários projetos a serem lançados e a gente pediu, inclusive, que ele faça um momento de lançamento dessas pequenas obras, para que a gente consiga somar e levar a expectativa de um final de ano um pouco melhor do que foi a situação de angústia do ano passado”, disse o presidente da Fieac.

Ainda de acordo com o José Adriano, o setor da construção civil é o responsável por contribuir mais com a renda dos trabalhadores. “No comércio existe uma mudança radical porque esse é o trabalho que o setor da construção civil faz, ele distribui mais rapidamente essa renda e é exatamente através de pequenas obras que a gente consegue agregar mais mãos-de-obra”, finalizou.

Segundo o prefeito Tião Bocalom, a Prefeitura de Rio Branco se preparou desde o início da gestão para definir os projetos a serem executados na capital acreana.

“Os projetos, como por exemplo, o de habitação popular, o da reformas das escolas e dos postos de saúde, o projeto do elevado na avenida Ceará e outros grandes que a gente tem, como as recuperações de ramais, a mecanização agrícola, enfim, todos ficaram definidos. Evidentemente que boa parte desses projetos tem a ver com os trabalhos que eles fazem. E isso tudo, sem dúvida nenhuma, a prefeitura vai entrar pesado. Dentro de poucos dias vamos lançar, aproximadamente, cinquenta obras que a gente vai fazer com recursos federais”, afirmou o prefeito.

Tião Bocalom falou ainda que são as empresas que participam das licitações e fomentam a construção civil local. “Nada mais gera emprego e muitos empregos informais, pessoas que muitas das vezes não estão trabalhando, vão ter a oportunidade de poder ganhar o seu dinheiro porque o grande problema do Acre é exatamente a falta de trabalho para se ter renda. Com esse fomento que a gente vai dar, não tenho nenhuma dúvida que vai resultar em muitos trabalhos e muitos empregos. Na verdade, deste final de ano para o ano que vem, nós vamos lançar muitas obras e vai ser muito trabalho na construção civil”, finalizou o prefeito.