Prefeito de Rio Branco participa de reunião com produtores rurais do ramal Circular no Projeto Moreno Maia

O prefeito Tião Bocalom, participou na tarde desta quinta-feira, 5, de uma reunião com os moradores do ramal circular no Projeto Moreno Maia.

Na ocasião, estavam presentes o secretário da Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico (Safra), Eracides Caetano, o diretor da Empresa Municipal de Urbanização (Emurb), engenheiro José Assis e o vereador Piaba.

Segundo o pastor Celestino, morador da região o objetivo da reunião era conversar sobre as demandas dos moradores da localidade. “A reunião foi bem produtiva, a gente falou sobre os projetos que a gente mais anseia, que é o ramal, que ele garantiu para gente que nos quatro anos de mandato vai deixar todo o Projeto Moreno Maia piçarrado para a gente circular aqui dentro, carregar os alunos para a escola em ônibus, escoar a nossa produção para vender na cidade”, disse o morador.

O vereador Francisco Piaba disse que a reunião foi muito importante para os moradores da comunidade. “O Bocalom tem muita vontade de ajudar o produtor rural, eu tenho fé no Bocalom que ele ainda vai fazer alguma coisa. Agora como ele falou, tem que ajeitar a casa primeiro para poder dar continuidade aos trabalhos”, comentou o vereador.

De acordo com o secretário da Safra, Eracides Caetano, o encontro foi para esclarecer aos moradores sobre as benfeitorias que a Prefeitura de Rio Branco irá fazer no Projeto Moreno Maia. ”Como a gente não tem problema em falar a verdade e ser cobrado, a gente veio até aqui hoje, para deixar bem claro o que nós vamos fazer aqui para o Moreno Maia, que é o piçarramento, ponte, bueiro e escola”, afirmou o secretário.

O diretor-presidente da Emurb,  engenheiro José Assis, falou sobre as obras que serão realizadas no local. “Devemos continuar dando assistência para eles de dezembro a dezembro, mesmo que comece a chover. Viemos mostrar para eles a nossa intenção de piçarrar todo o Moreno Maia. Se caso não der vamos piçarrar ao menos o eixo principal, recuperar pontes, bueiros, para que a gente consiga manter o tráfego de inverno a verão como o prefeito propôs nas outras reuniões”, disse o engenheiro.

Segundo o prefeito Tião Bocalom, o sonho dos moradores sempre foi ver a terra brotando riquezas. “O que a gente vê aqui é que tem uma terra de primeira qualidade que dá para fazer isso, mas, que a mais de vinte anos estava abandonada. A esperança deles é de saírem desse abandono, sair do isolamento na época do inverno. A gente veio aqui dar essa notícia para eles, que a gente já está fazendo os ramais daqui. E que quando iniciar o inverno a gente vai entrar pesado nessa questão do piçarramento”, disse o prefeito.