Prefeitura de Rio Branco realiza reunião estratégica de planejamento do Plano Plurianual (PPA) 2022/2025

Cumprindo mais uma etapa de construção do Plano Plurianual (PPA) 2022/2025 a Prefeitura de Rio Branco realizou nesse sábado,10, reunião estratégica para alinhar os eixos norteadores do plano.

O prefeito Tião Bocalom escolheu o auditório do Sebrae, que usa energia sustentável, para apresentar o conjunto de programas e ações, produzidos por sua equipe, embasados nas demandas, necessidades e estratégias da gestão municipal.

Durante todo o dia secretários e diretores, debateram ideias e metas, propondo melhorias e soluções para o desenvolvimento do município nas diferentes áreas da cidade para os próximos quatro anos.

Foram debatidos temas como cidade eficiente, desenvolvimento sustentável, disciplina e tecnologia.

Neiva Tessinari, secretária de Planejamento, disse que o PPA envolve eixos de indicadores Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que são referências para modelos de cidades excelentes, sustentáveis e inteligentes, além de uma série de informadores nas áreas de assistência social, educação, produção, saúde, geração de emprego e renda.

“Nosso objetivo é fazer um planejamento em comum, depois de análises minuciosas internas, com cada secretaria, baseadas na proposta de governo do prefeito Tião Bocalom, que visa trabalhar forte a interdisciplinaridade entre as secretarias do município”, observou Neiva.

O secretário de Gestão Administrativa, Tecnologia da Informação e Finanças, Cid Ferreira, observou que o sucesso de um depende de todos. “Temos a possibilidade de criar novas ferramentas, melhorar e oferecer mais serviços para todos, usando tecnologias”, observou.

O diretor da Diretoria de Comunicação, Ailton Oliveira, garantiu aos presentes que o Plano de Comunicação da prefeitura está assegurado no PPA 2022/2025. Ele apresentou um plano de ação da comunicação para 2021 que prevê o estabelecimento de um fluxo com os órgãos da administração direta indireta para comunicação interna e externa, deixando a equipe de gestores e servidores, de modo geral, bem informados sobre as ações da gestão.

“As ações de Comunicação quando planejadas permitem, no mínimo, três momentos estratégicos das atividades:  divulgação prévia, no ato da execução e espelhar os resultados alcançados com a divulgação”, pontuou o diretor.

O PPA será discutido ainda de forma individualizada, antes de ser enviado à Câmara de Vereadores, para debate e aprovação final.

O Plano Plurianual é uma ferramenta de gestão elaborado de quatro em quatro anos, com revisão anual. Além disso, é o referencial para a Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA).

“Evidentemente que nós temos que definir o que a gente quer fazer, onde queremos chegar, quais as obras e as metas que precisamos alcançar. É uma primeira reunião, ainda, para preparar tudo e em agosto fechar o Plano Plurianual. Vamos colocar o que a gente pensa para a saúde, educação, segurança, infraestrutura e, principalmente, no nosso caso, o setor produtivo. São indicadores estratégicos para nortear e indicar o passo a passo da gestão municipal”, explicou Bocalom.