Prefeitura de Rio Branco acompanha obras de recuperação de pontes em ramais da Transacreana

A prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico (Safra) e a Empresa Municipal de Urbanização (Emurb), realizaram visita técnica no último sábado, 19, aos ramais Moreno Maia e Riozinho do Rola, localizados nos Kms 08 e 14 na Estrada Transacreana, para vistoriar os serviços realizados pela Prefeitura de Rio Branco.

O secretário da Safra, Eracides Caetano, e o diretor-presidente da Emurb, engenheiro José Assis, aproveitaram para fazer um levantamento para a reforma de todas as pontes dos dois ramais, para que os produtores rurais consigam ter acesso de inverno a verão e fazer o escoamento de suas produções.

“Esta é uma das maiores prioridades do prefeito Tião Bocalom: Promover o acesso e a dignidade para às famílias do campo e aquecer a economia local com produtos regionais e mais acessíveis ao consumidor”, frisou Eracides Caetano.

O produtor Josimar Cruz, que possui uma propriedade no ramal Dois Irmãos, falou de sua satisfação com a visita dos dois secretários ao local. ‘É muito bom encontrar um secretário e um diretor de obras por aqui, é uma esperança de que agora, com a gestão do prefeito Tião Bocalom, seremos atendidos com a melhoria definitiva dos nossos ramais”, salientou. Josimar revelou ainda que, das 300 famílias instaladas no local, apenas 200 insistem em continuar produzindo. 

O diretor-presidente da Emurb enfatizou os serviços que foram realizados nas duas últimas semanas. “A gente viu o desenvolvimento do que aconteceu nas últimas semanas, nós tivemos um progresso bastante representativo. Viemos verificar também as pontes, a qualidade de cada uma delas, os pontos de drenagens que podem ser substituídos por bueiros e notamos que houve um avanço muito significativo na nossa frente de serviços”, explicou Assis.

“Nós assumimos a secretaria em janeiro e no final desse mês já mandamos a pá carregadeira para o ramal do Riozinho para fazer um paliativo, pois eles estavam isolados. No mês de março isolou novamente uns quatro pontos e mandamos de novo a máquina. Até desvio foi feito para as famílias trafegarem no ramal, pois desce muita gente pelo Riozinho do Rola em direção a capital”, concluiu Eracides Caetano.