Mutirão de vacinação contra o coronavírus realizado pela prefeitura recebe elogio de vereadores de Rio Branco

Em que pese alguns críticos das ações executadas pela Prefeitura de Rio Branco no combate à pandemia do coronavírus, existem os que sabem reconhecer a qualidade do trabalho que vem sendo realizado pelas equipes de profissionais da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), por determinação do prefeito Tião Bocalom.

É o caso do vereador emedebista, Emerson Jarude, que na manhã deste domingo, 20, fez elogios ao trabalho planejado e coordenado pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) para a realização do mutirão de vacinação do final de semana no Ginásio do Sesi, na capital acreana.

O parlamentar chegou cedo ao local para verificar a ação promovida pela Prefeitura de Rio Branco e foi recebido pelo secretário da Semsa, Frank Lima.

Jarude se disse impressionado com o nível de organização e eficiência dos profissionais que fazem a vacinação.

“Parabéns pelo mutirão que vocês estão realizando aqui. É uma coisa linda de se ver, pessoal muito bem organizado, atendimento muito humanizado, é isso que a nossa população quer e é isso que está tendo. Você que ainda não se vacinou, tem trinta e oito anos ou mais, venha para o mutirão aqui no SESI, que vai até às 22h, que tenho certeza de que você será muito bem atendido”, conclamou o vereador.

O vereador e presidente da Câmara de Vereadores de Rio Branco, N. Lima, também visitou o local de vacinação e elogiou o trabalho realizado pelas equipes de profissionais da prefeitura.

“É justo parabenizar a prefeitura, a secretaria, você que está presente na vacinação, elogiar pela parceria com o Estado. Isso só engrandece a prefeitura, o Governo do Estado e a população”, enfatizou o N. Lima.

Frank Lima agradeceu a visita dos vereadores e afirmou que a Semsa trabalha com muita transparência e que o trabalho de fiscalização do parlamentar é importante para mostrar à população o zelo e o respeito com que a atual gestão trabalha.

“Os senhores sempre serão bem-vindos às nossas secretarias.” ressaltou o secretário.