Prefeito visita a Unidade de Tratamento de Resíduos Sólidos de Rio Branco

Tião Bocalom conhece formas de reutilização de pneus (Foto: Dircom)

O prefeito Tião Bocalom, o assessor político, Helder Paiva, o presidente da Câmara de Vereadores, N. Lima, vereador Samir Bestene e a assessora jurídica da Semeia, Ellen Karine, visitaram na tarde desta segunda-feira, 7, a Unidade de Tratamento de Resíduos Sólidos (UTRE), localizado na BR 364. Eles foram conhecer um pouco mais da Unidade.

De acordo com a coordenadora da UTRE, Aline Paiva, a visita do prefeito Tião Bocalom, dos vereadores e equipe da prefeitura é muito importante para verem de perto, como está o funcionamento da Unidade de Tratamento.

“Hoje, nós recebemos 245 toneladas de resíduos aqui na Unidade. Temos uma equipe que se dedica tratar o lixo de forma correta. É tão importante, também, trazer os vereadores para verem as perspectivas de recuperação desses resíduos e o potencial de valorização dessas unidades”, disse a coordenadora.

Segundo o presidente da Câmara, N. Lima, a UTRE é uma unidade que dá orgulho de visitar.

“Ela teve uma paralisação nesses quatro ou cincos anos aí, mas eu acho que com a administração do prefeito Tião Bocalom, que tem uma visão para tratar, dá para ter uma garantia também de sustentabilidade dentro desse projeto, porque dá para fazer isso a exemplo do que estamos vendo aqui com o aproveitamento dos pneus para usar em esgoto, no caso esgoto em ramais, como ele fala”, afirmou N. Lima.

Para o vereador Samir Bestene, é muito importante a coleta de lixo seletiva na cidade de Rio Branco. “Vimos aqui o potencial dessa unidade. Nós vemos aqui esse potencial da UTRE, para a gente poder gerar tubulação com os pneus que não são utilizados. Até o gás que produz aqui na unidade pode ser utilizado na energia. Já tem um estudo aqui do potencial disso, e nós esperamos que isso dê retorno para o município de Rio Branco da melhor forma possível”, assegurou Bestene.

De acordo com o prefeito Tião Bocalom, a visita foi um convite da Secretaria do Meio Ambiente (Semeia), tanto para o Executivo como para o Legislativo conhecerem os trabalhos que são realizados na Unidade.

“Nós estamos observando aqui que tem algumas coisas que estão desativadas, na questão por exemplo da reciclagem de lixo, na questão da produção de húmus que está muito devagar e precisa ser ampliado. Tem muitas coisas que precisam ser incrementadas para que tenhamos isso aqui, funcionando na sua totalidade. Mas eu tenho confiança na equipe, nós temos confiança no time que está aqui cuidando disso que a gente, se Deus quiser, até o final do ano consegue colocar bem melhor do que está andando hoje”, afirmou o prefeito.