Primeiro dia de vacinação para pessoas com comorbidades ocorre com tranquilidade em Rio Branco

Na manhã dessa segunda-feira, 3, teve inicio a vacinação contra a covid-19, em pessoas com 59 anos que apresentam comorbidades, além de gestantes e puérperas com comorbidades, portadores de Síndrome de Down e renais crônicos a partir de 18 anos, nas dez Unidades de Referência em Atenção Primária de Rio Branco.

Nas URAPs, o cadastro e vacinação ocorreram sem qualquer tipo de problema. Segundo a coordenadora da Roney Meirelles, Debora Lobo, a pessoa que ainda não fez o cadastro e tem comorbidade ou que esteja dentro do cronograma, pode procurar a unidade de saúde e fazer o registro para a vacinação de acordo com o calendário disponível.

“Procure a unidade de saúde com o laudo médico ou relatório médico para fazer o cadastro. Estamos fazendo também o cadastro de grávidas sem comorbidades que tenham um laudo ou relatório médico, autorizando e informando que ela esteja apta a ser vacinada. Venham até as unidades de saúde trazendo o laudo ou relatório médico e carteira do SUS”, disse a coordenadora.

A dona de casa, Alba Lucia de Araújo, de 59 anos, foi até a URAP da Vila Ivonete, apresentou os documentos laudos e não teve nenhuma dificuldade na realização do cadastro na unidade de saúde. “Foi muito fácil, não tinha muita gente, não pegamos fila, foi rápido. Já trouxe o laudo médico e o cartão do SUS e, imediatamente, tomei a minha vacina e estou muito feliz por sinal”, afirmou Alba.

Vaja aqui as comorbidades de acordo com o cronograma do Ministério da Saúde..