Prefeitura de Rio Branco alinha novo fluxo de atendimento no Centro POP

Equipe define novo fluxo de funcionamento do Centro (Foto: Dircom)

Na última terça-feira, 27, a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), Marfisa Galvão, visitou o Centro POP com a diretora da Assistência Social, Elizabeth Medeiros, a gerente do Departamento de Proteção Social Especial, Ana Paula Souza e o coordenador da divisão de atenção à população de rua, Anderson Lima, para alinhar o novo fluxo de atendimento do Centro POP, que será de 24 horas.

No contexto de pandemia da covid -19, a Prefeitura de Rio Branco não apenas manteve os serviços do Centro POP, como também intensificou os atendimentos para oferecer um trabalho ainda mais humanizado aos acolhidos.

O Centro POP é, no âmbito da política de assistência social, o equipamento responsável por garantir o acompanhamento e o referenciamento das pessoas em situação de rua. De acordo com a responsável pela assistência técnica da diretoria, Keyla Carvalho, o atendimento no Centro POP será mais intenso nas áreas onde ocorrem maior índice de pessoas em situação de rua.

“Nossos diretores auxiliam no atendimento do Serviço Especializado em Abordagem Social (SEAS) que oferece a abordagem qualificada em pessoas em situações de vulnerabilidade. Além disso, gostaria de ressaltar a atenção que vamos oferecer para erradicar o trabalho infantil na capital”, disse.

Keyla acrescenta que a abordagem social será intensificada em locais como Terminal Urbano, Seis de agosto, Rodoviária e haverá monitoramento em territórios de grande fluxo de pessoas. “A intenção é identificar as violações de direitos como trabalho infantil, abuso e exploração sexual, além da mendicância, fortalecendo os grupos terapêuticos para inserção de pessoas em situação de rua na família e na sociedade”, explicou.

Segundo a secretária da SASDH, Marfisa Galvão, um plano de ação para continuar a atender as pessoas em situações de rua através do Centro POP, já havia sendo elaborado. “Já existe uma equipe destinada a atuar 24 horas, e estamos preparados para oferecer um atendimento digno a essa população, assim como determina nosso prefeito Tião Bocalom”, afirmou Galvão.