Fundação Garibaldi Brasil promove oficina de confecção de relicários Ayahuasqueiros

Relicário confeccionado na oficina (Foto: Dircom)

A prefeitura de Rio Branco, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Esporte e Lazer Garibaldi Brasil (FGB), promove nos dias 23 e 26 de março, na Casa de Cultura Vivarte, a partir das 14h, a oficina de confecção de relicários Ayahuasqueiros.  O curso é ministrado pelas artesãs Lauana Lima e Giane Mary e o projeto, financiado pela Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, através do Prêmio de Arte e Patrimônio.

Os relicários são uma novidade no repertório das artesãs, que já contam com peças como: “olhos de Deus”, “mandalas”, “garrafas artesanais”, “estandartes” e “filtros de sonhos”, todos frutos do aprofundamento nas diversas possibilidades que as culturas tradicionais acreanas, entre elas, a ayahuasqueira, nos trazem.

Os santuários são objetos ligados à religiosidade popular, que reproduzem pequenos altares ou lugares de devoção e oração, que podem ser utilizados como “lembrancinhas”, muito comuns em datas comemorativas nas comunidades ayahuasqueiras.

Durante a oficina, cada participante, sob a coordenação das ministrantes, confeccionará seu próprio sacrário. Todo o material necessário para a decoração e personalização, bem como os santinhos em miniatura, serão disponibilizados pelo projeto. Outro aspecto importante é a preocupação ambiental que o projeto agrega: os relicários serão confeccionados a partir do reaproveitamento de caixas de papelão, transformando em arte, um material que iria para o lixo.

Pela situação grave em que se encontra a pandemia da Covid-19 em Rio Branco, os cuidados para se evitar o contágio são redobrados: é obrigatório o uso de máscaras, distribuição de álcool 70%, distanciamento entre os participantes e o limite de público é de 12 pessoas. Haverá também a distribuição de material específico e kit lanche.