Prefeitura auxilia moradores do Cidade Nova em ação conjunta das secretarias de Assistência Social e Zeladoria

A secretária de Assistência Social e Direitos Humano (SASDH), Marfisa Galvão, esteve, no bairro Cidade Nova, na última quarta-feira, 26, para verificar as demandas da comunidade, com a coordenadora do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) Cidade Nova, Luena Almeida e visitadores do Programa Criança Feliz (PCF).

Na ocasião, foi realizado o cadastro socioeconômico de 38 famílias atingidas pela cheia do Rio Acre para assim poder garantir maior assistência a essas famílias. A comunidade pode contar com todo suporte da equipe da Secretaria de Zeladoria e Cidade (SZCM), com limpeza das ruas, retirada de entulhos deixados na vazante.

Segundo Gean Almeida, coordenador Operacional da Zeladoria esse problema é atípico. Além da pandemia, tem a dengue, veio a alagação e a Zeladoria fez um planejamento para atender esses três campos. “Aqui no Cidade Nova, a água já baixou. Por isso, a Secretaria de Saúde informou os bairros que estão tendo os principais focos de dengue e agora nós entramos estamos fazendo a retirada de entulhos e logo em seguida realizamos a parte de higienização, lembrando que o pedido especial do nosso prefeito Tião Bocalom é que nós pudéssemos cuidar da cidade e especialmente cuidar das pessoas”, disse o coordenador.

Para a secretária Marfisa “a visita foi para verificar a situação das famílias e junto com a equipe do CRAS realizamos o cadastro para triagem. Assim, poderemos saber suas necessidades e, logo após, prestar a devida assistência. Gostaria de agradecer ao secretário da Zeladoria, Joabe Lira, que enviou a equipe para fazer a limpeza. Com ações conjuntas como essa, cuidaremos das pessoas como diz nosso prefeito Bocalom”, enfatizou Marfisa.