Escola municipal serve de abrigo para famílias atingidas pelo transbordamento do igarapé Batista

A prefeitura de Rio Branco, por meio da Defesa Civil, Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos ( SASDH) e Secretaria de Educação Seme), estão prestando toda assistência necessária para amenizar e aliviar o sofrimento das pessoas atingidas pelo transbordamento dos igarapés no último fim de semana.

Famílias dos bairros da Paz e Conquista, que tiveram suas casas invadidas pela cheia do igarapé Batista, estão alojadas na Escola Álvaro Vieira da Rocha. “Essas famílias não tinham para onde ir, são pais e alunos da nossa escola”, afirmou a gestora Patrícia da Silva.

A secretária da Seme, professora Nabiha Bestene, visitou as sete famílias, que se encontram alojadas na Escola. As assistentes sociais estão fornecendo alimento, disponibilizando máscaras e álcool em gel para higienização. “Toda a assistência está sendo disponibilizada”, reforçou a secretária Nabiha.

Doações

A situação de muitas famílias é extremamente delicada. A maioria perdeu tudo o que tinha Por isso as doações da comunidade são muito bem-vindas. São necessários alimentos não perecíveis, produtos de limpeza, roupas para todas as idades, fraldas, leite, calçados, cobertores, colchões, móveis, eletrodomésticos, entre outros.