Vacinação: Prefeitura divulga números de telefone para cadastro de idosos acamados

Com o início da segunda etapa da campanha de vacinação contra a covid-19, a Prefeitura de Rio Branco ampliou os canais de atendimento aos idosos acamados, com idade a partir de 80 anos, que podem receber a vacina, mas ainda não são acompanhados pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

A pasta disponibilizou dois números de telefone para os familiares dos idosos ligarem e cadastrá-los junto à rede municipal de saúde: o 3216-2400 e 3224-4268. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8 horas às 17 horas, e é preciso ter em mãos, o número do cartão do SUS ou CPF do idoso; nome completo e endereço residencial.

Segundo a diretora de Regulação da Semsa, Graça Camurça, o atendimento é feito imediatamente, ou se preferir, o familiar pode deixar o número de contato e nome, para que os atendentes retornem a ligação e façam o cadastro do idoso acamado que irá receber a dose do imunizante. “É um mecanismo prático que vai auxiliar a equipe da secretaria no cadastramento desses idosos e no atendimento. É muito importante que as pessoas tenham em mãos o número GMUS ou do cartão do SUS, o que facilita na hora de registrar o idoso. Se não tiver, pelo menos o CPF e o nome deve ser informado”, explica.

A diretora de Assistência à Saúde, Sheila Andrade, avalia que disponibilizar os números para ligações telefônicas demonstra o interesse e preocupação da gestão da Semsa com a saúde dos idosos que estão em casa. “Esse é um direito que está sendo garantido aos idosos, às famílias, a todos os idosos acamados em casa com mais de 80 anos.”

VACINAÇÃO

Na primeira etapa de vacinação contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) garantiu a vacinação de 3.600 pessoas, incluindo os servidores do sistema de saúde, idosos que vivem em abrigos ou unidades penitenciárias e ainda os trabalhadores desses abrigos.

Agora, na segunda fase da campanha de vacinação, 600 doses devem ser aplicadas em idosos acamados que tenham idade a partir de 80 anos. Até sexta-feira, dia 5, quase 8 mil servidores já estarão vacinados, num total de 69% dos trabalhadores da saúde da capital acreana.